Muitas mulheres têm seios excessivamente grandes e flácidos, decorrentes de grandes emagrecimentos como pós-cirurgia bariátrica ou mesmo da constituição física da própria paciente. Em alguns casos esse excesso de seio pode acarretar desconforto e dor (geralmente nas costas), além de problemas emocionais.

É para estes casos que há plena indicação da mamoplastia redutora, que objetiva aliviar o peso das mamas além de proporcionar maior harmonia entre o tórax, o peso e a altura da paciente, reduzindo-a e suspendendo-a a uma posição mais agradável física e esteticamente.

A cirurgia plástica de redução das mamas é um procedimento que vem se tornando muito comum em nosso país inclusive em mulheres muito jovens, porém o Dr. Felipe Rezende ressalta sobre a necessidade de esperar o completo desenvolvimento das mamas, o que ocorre por volta dos 16 anos. Para tanto é de suma importância que se faça uma avaliação prévia onde serão consideradas as características físicas da paciente, bem como seus anseios.

A técnica cirúrgica constitui basicamente na retirada de parte da glândula, tecido gorduroso e de pele excedentes a fim de atingir um tamanho de mama proporcional ao corpo e aliviar o desconforto, por fim as aréolas são reposicionadas de modo que fiquem harmônicas.

A redução de mamas é uma intervenção plástica relativamente comum e dura em média 3 horas. O tipo de anestesia utilizada geralmente é geral associada ou não com anestesia peridural.

O tempo de permanência hospitalar é de pelo menos 24 horas para recuperação e observação.

Demais dúvidas sobre o pré e pós-operatório, entre em contato e agende uma avaliação com o Dr. Felipe.

Hsites, Especializados em Web para a área Médica

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?